Esta é a Razão por que NÃO Consegue Mais Clientes

Tempo de Leitura: 4 minutos

De publicações estão as redes sociais cheias. Especialmente de negócios.

E vários websites estão cheios de conteúdos também.

Mas será que cada uma dessas publicações está a ser realmente proveitosa?

Estarão as pessoas a socializar com o seu negócio? A comunicar consigo?

Neste artigo vamos falar sobre a razão por que não consegue mais clientes e como pode ultrapassar esta dificuldade.

Mas comecemos pelo início 🙂

Há realmente alguma razão por que não consegue mais clientes?

Há sempre uma razão por detrás de tudo (filosofias à parte, há mesmo).

Portanto, é mais que seguro assumir que há um porquê para o facto de não conseguir novos clientes.

Pode até existir mais que um porquê – e, na verdade, até costuma ser uma junção de vários.

Regra geral, a principal razão para não conseguir mais clientes está na comunicação (ou falta dela).

Há uns anos atrás, bastava que as marcas pagassem anúncios na TV, rádio ou em outdoors para serem reconhecidos e levar mais pessoas a comprar.

Mas hoje, com a internet, os consumidores estão cada vez mais informados e fazem compras de uma forma um pouco diferente.

Há compras que fazemos por impulso, outras em que pensamos mais.

O que diferencia as duas?

Regra geral, é precisamente a comunicação.

Como a Comunicação Ajuda a Conseguir Mais Clientes

É justo (e relevante) partilharmos as nossas próprias experiências sobre como o a comunicação afecta as nossas compras e também as nossas vendas.

A Comunicação (mais especificamente, a estratégia de comunicação) afectou as nossas vendas de uma forma incrível.

Pudemos testar isso aquando do lançamento do nosso primeiro curso: Redes Sociais para Alojamento Local.

Numa primeira tentativa, a comunicação foi mais monótona, sem tanto entusiasmo, e a partilha de qualidade ligeiramente inferior.

Mas na segunda tentativa de lançamento, a nossa comunicação foi mais pessoal, directa, entusiástica e com valor.

E isso gerou vendas. E vendas geram lucro.

Não apenas isso, mas o facto de termos começado a utilizar o nosso Instagram para partilhar dicas e socializar com os nossos seguidores fez com que nos começássemos a tornar figuras de autoridade.

Que, por sua vez, também trouxe vendas e autoridade.

E como é que nós, na Bizy, compramos?

A Marisa é uma ávida consumidora de conhecimento. Adora comprar cursos, mentorias e livros (ficção e não ficção).

A Luciana é apaixonada por jogos e forma verdadeiras ligações com streamers.

Apesar de ambas terem interesses totalmente diferentes, tanto uma como a outra compram depois de comunicarem com elas.

A Marisa compra cursos e mentorias depois de conhecer os formadores durante algum tempo, analisar a partilha que fazem e o tipo de pessoa que são.

A Luciana acompanha (e ajuda) streamers da Twitch depois de também os conhecer e ao seu percurso.

Nenhuma de nós compra sem que primeiro comuniquem connosco.

E você, que está a ler este artigo, também não.

A última compra significativa que fez está ligada a si emocionalmente. E há algum aspecto da marca, produto ou vendedor que lhe apelou.

Como sempre, dou o exemplo de Steve Jobs e da Apple: porquê pagar 500€ por um telemóvel que faz o mesmo que outro que custa metade?

Porque a Apple é diferente e comunica de forma diferente.

Ninguém compra Apple pelas especificações. Compram pela comunicação.

A Razão por que Não Consegue Mais Clientes É a Falta de Comunicação

Esta é a verdade dura e crua.

E, sempre que o dizemos a algum cliente o potencial cliente, a maioria deles fala-nos de como usa as redes sociais e publica frequentemente.

Isso é um passo na direcção certa. Mas publicar nas redes sociais sem estratégia é o mesmo que não publicar.

Para realmente ultrapassar a razão por que não consegue mais clientes precisa de ser consistente e coerente na sua comunicação.

Isso significa publicar nas redes sociais e no seu blog em dias pré-determinados, produzir conteúdo bom e genuinamente importar-se com o cliente e o quão informado ele está.

Isso significa dar conteúdo gratuitamente.

Sim, dar. Não tem mal nenhum dar conteúdo gratuitamente e é o que vai gerar confiança entre si e o potencial cliente.

Quantas vezes não fizeram algo por si e depois sentiu-se na “obrigação” de retribuir o favor?

É isso que os clientes sentem quando lhes dá algo de graça.

Ao dar conteúdo gratuitamente, o seu potencial cliente vai começar a falar consigo (a socializar) e a vossa relação começa aí.

A partir do momento em que o cliente abre a comunicação consigo, a venda já está a meio caminho de estar garantida!

Mas lembre-se: tem de continuar essa comunicação e dar-lhe valor.

Isso significa (entre outras coisas):

  • Responder a todos os comentários e críticas online;
  • Responder a todos os emails, mesmo que seja para informar que as respostas estão a tardar um pouco;
  • Responder a chamadas e mensagens.

Quando começa a comunicar, a sua vida passa de “tem de descobrir a razão por que não consegue mais clientes” para “tem de descobrir como começar a delegar trabalho por causa de todos estes clientes.”

Compreendemos que pode parecer uma versão romantizada da coisa, mas não deixa de ser verdade.

Este conselho é importante porque…

Tendo em conta que actualmente há concorrência para tudo, a comunicação vai ser a forma como se vai destacar.

A maioria dos negócios ainda acredita que apostar simplesmente na venda é a melhor forma, mas bastaria pensar um pouco na forma como eles mesmos compram para mudar o seu posicionamento.

Não cometa o mesmo erro.

Fale com os seus clientes e potenciais clientes. Não se preocupe em dar conteúdo gratuitamente.

Posicione-se como o negócio mais diferente usando a ferramenta mais poderosa e sub-valorizada que tem: a comunicação.

Deixe um comentário

Olá 👋 Podemos ajudar?