Gestão de Redes Sociais: Dicas Essenciais para ter Sucesso

Tempo de Leitura: 4 minutos

70% da população residente em Portugal está no Facebook. E são todos utilizadores activos.

Se não acredita em nós, basta fazer login na plataforma Facebook Business e pode comprová-lo 🙂

A gestão de redes sociais é hoje uma das grandes mais-valias na comunicação de pessoas e empresas.

Os seus clientes estão lá, os seus concorrentes estão lá… E mesmo você está lá, a consumir conteúdo que outras empresas e pessoas partilham consigo.

O Marketing de Redes Sociais está a crescer e a ganhar cada vez mais visibilidade…

… Mas nem todos estão a conseguir tirar partido disso!

Se quer começar a comunicar melhor online, continue a ler este artigo e aprenda algumas dicas essenciais para a gestão das suas redes sociais.

Gestão de Redes Sociais – Afinal, o que é isso?

Gerir redes sociais é, no fundo, saber comunicar. Gerir conteúdo e aproveitar todo o potencial de comunicação – e socialização – que estas plataformas permitem para fazer com que chegue mais longe e a mais pessoas.

Na Bizy trabalhamos mais de perto com Facebook e Instagram. Escolhemos não abraçar mais redes sociais até que conseguíssemos (quase) masterizar estas duas.

Quando fazemos gestão de redes sociais para os nossos clientes, estamos a fazer uma (ou mais) destas coisas:

  • Pensar, criar e publicar o conteúdo;
  • Gerir campanhas de anúncios em Facebook e Instagram;
  • Pensar, criar e gerir a estratégia de comunicação a aplicar tendo em conta o objectivo da empresa ou freelancer.

.

Um erro comum é assumir que a gestão de redes sociais é apenas “publicar conteúdo”, quando é bem mais que isso!

Uma boa gestão destas plataformas – e um bom gestor – é alguém que não se limita a publicar ou agendar publicações, mas consegue dar conselhos, dicas, ler as análises e sugerir ajustes sempre que necessário.

Gestão de Redes Sociais – 3 Dicas Essenciais (e 1 mito que não passam disso)

marketing redes sociais

1. Escolha a Rede Social Onde os Seus Clientes Estão – e NÃO uma qualquer

Já aconteceu de questionar alguns dos nossos clientes, colegas e amigos sobre o porquê de escolherem determinada rede social. É algo normal para nós.

Incrivelmente, as respostas são muito semelhantes: “porque é o que toda a gente faz.”

O que nos leva sempre a perguntar (mas não a vocalizar 😉 ) se as mesmas pessoas se atirariam da ponte se os outros também o fizessem!

As redes sociais só funcionam para negócios se os clientes lá estiverem também!

De que adianta a uma marca de carros de luxo fazer uma publicidade no Snapchat quando a grande maioria do público são menores de idade?

Uma boa gestão de redes sociais acontece quando, acima de qualquer outra coisa, sabemos onde devemos estar.

O seu negócio ou projecto existe para resolver um problema a alguém. Pergunte-se:

  • Eu resolvo os problemas de quem?
  • Que idade tem esta pessoa?
  • Onde vive?
  • O que faz nos tempos livres?
  • Que redes sociais usa?
  • E de que forma?
  • Etc.

2. Tenha um Plano de Conteúdos e SIGA-O Sempre

Mesmo que no início possa parecer que ninguém vê, seja consistente.

Publique, chame as pessoas para a acção, mostre quem você é e o que faz.

Está a dar a cara por um negócio que é o seu sonho! Por vezes, basta apenas o entusiasmo para que a outra pessoa do lado da câmara o comece a seguir.

Isto para dizer: não desista porque tem poucos seguidores, gostos ou comentários!

Porque, quer sejam 10, 1.000 ou 10.000, as pessoas que o seguem merecem ser respeitadas. E merecem conteúdo de qualidade.


3. Não Importa o Número de Seguidores – Importa a QUALIDADE

Qualidade e não quantidade, certo?

O mesmo é perfeitamente válido e aplicável na gestão de redes sociais.

Na verdade, já vários estudos foram feitos sobre o real alcance e potencial de contas com mais ou menos seguidores.

E as páginas com menos seguidores geram mais interacção e mais vendas!

Da próxima vez que alguém lhe disser “mas você só tem 200 seguidores…”

Não leve isso como algo negativo; antes pelo contrário!

Mostre a orgulhos nas 200 pessoas que o seguem religiosamente, que se tornam fiéis a si e inclusive se tornam quase embaixadores do seu negócio.

Gestão de redes sociais também é perceber que não importa ter uma página com 10.000 pessoas se as vendas são zero.

Importa ter uma página com 1.000 que permita aos seguidores estar consigo a um tal nível que possa ser o parceiro deles quando precisam de si.

Marketing e as Redes Sociais

Actualmente, as duas estão intrinsecamente ligadas. E, se ainda não está a comunicar nas redes sociais ou não as inclui no seu plano de marketing, está a falhar redondamente para com os seus clientes!

O sucesso nas redes sociais não é apenas resultado de muitos gostos ou partilhas. É também resultado de muita consistência, paciência e carinho para com o que está a fazer todos os dias. Não se esqueça disso 😉

Gostou deste conteúdo? Deixe o seu comentário 😉

Deixe um comentário

Olá 👋 Podemos ajudar?