Procurar
Close this search box.
Procurar
Close this search box.
copywriting para restaurantes

Copywriting para restaurantes

Será que há mesmo necessidade de começar a criar copywriting para restaurantes?

Antes de escrever este artigo, estivemos a fazer algumas pesquisas sobre a palavra-chave Copywriting, usando o Google Keyword Planner (apenas disponível para quem tem conta de Google Ads).

Quando notamos na frase-chave “copywriting para restaurantes.

A maioria dos donos de restaurantes talvez nem estivessem a ponderar a importância do copy naquilo que fazem e escrevem.

Mas claramente há restaurantes que têm essa preocupação. Caso contrário, essa frase-chave não apareceria tão facilmente na ferramenta do Google.

Então fizemos o que fazemos logo depois de encontrar uma ideia para um artigo de blog: procuramos no Google.

A maioria dos resultados está em Espanhol, o que significa que tínhamos mesmo de criar este artigo.

Hoje, o conteúdo é dedicado a copy para restaurantes: seja a demonstrar a sua importância, os locais onde definitivamente deve ser usado, e inclusive uma chamada de atenção para algo que provavelmente não sabes sobre copywriting.

Copywriting para restaurantes

Da mesma forma que as imagens de um belo hamburguer com queijo derretido te fazem salivar (especialmente quando estás com fome), as palavras também te podem facilmente levar a precisar de uma baba.

Quando o copywriting é bem feito, qualquer negócio consegue vender mais facilmente.

Porque as palavras são capazes de nos fazer imaginar as coisas ao ponto de quase sentir que estamos a vê-las.

Copywriting para restaurantes traz oportunidades incríveis a qualquer negócio de restauração porque, com a estratégia certa, esses restaurantes podem tornar-se a referência naquilo que vendem:

  • Hambúrgueres
  • Pizzas
  • Massas
  • Leitão
  • Sanduíches
  • Gelados
  • Etc.

Não é à toa que, no que toca a hambúrgueres, há sempre algumas opções que te surgem na cabeça: a McDonald’s e outra hamburgueria local que tem hambúrgueres artesanais mesmo bons.

A McDonald’s destaca-se pela sua presença em vários locais e pelo copywriting e storytelling que sempre usa na comunicação.

O que não sabias sobre copy para restaurantes

Copy está muito associado a palavras.

Mas copywriting também inclui a parte visual: imagens e atos.

Talvez já tenhas ouvido falar do termo Food Porn. Se não sabes o que é, nós explicamos.

Food Porn é um adjetivo usado para descrever imagens de comida que fazem qualquer pessoa salivar e dá uma vontade enorme de comer.

Alguns exemplos:

food porn e copy para restaurantes

Usar copy em restaurantes também implica saber como tratar os elementos visuais.

De pouco ou nada vai servir ter a melhor foto de hambúrguer num panfleto, menu, ou post de redes sociais e depois nem ter nada escrito que ajude a trazer ainda mais vontade de fazer a pessoa comer.

Mais até que noutros setores, o copywriting para restaurantes tem de incluir uma boa simbiose entre palavras e imagens.

Sempre que possível, contrata alguém que tenha uma equipa que trate das duas coisas: texto e imagem.

Se precisares da ajuda da Bizy, contacta-nos para te passar um orçamento.

Onde e como usar copywriting para restaurante

Por esta altura, já reconheces a importância de usar copy no teu restaurante.

Parabéns, porque estás à frente de outras 99 pessoas que têm restaurantes e vão ignorar isto.

E vai ser por causa de essas 99 pessoas ignorarem o copy para restaurantes que tu vais sair por cima e vender mais que eles, mesmo que cobres mais que eles todos.

Vamos olhar para 4 dos locais mais comuns e importantes para pensar e investir no teu copywriting.

Publicações nas redes sociais

Está toda a gente lá, não é?

Seja Facebook, Instagram, Tik-Tok, Twitter…

Para cada lado que se olhe, está uma pessoa de telemóvel na mão.

Nos restaurantes, é comum esse telemóvel estar a tirar uma fotografia a um prato de comida.

Tens de tirar o máximo partido disto no teu restaurante!

Se as tuas publicações nas redes sociais incentivarem às partilhas e forem chamativas, encher o teu restaurante torna-se imensamente mais fácil.

Sempre que estiveres a pensar no teu conteúdo, traça um plano.

Para ajudar, tenta responder a estas perguntas:

  • Que datas são relevantes para a tua audiência? Dia dos Namorados? Dia da mãe/pai? Dia da criança? Como podes usar essas datas para criar publicações imperdíveis?
  • Quais são os teus bestsellers? Aqueles produtos que vendem que nem pãezinhos quentes (o trocadilho foi propositado). E porquê?
  • Qual é a característica que as pessoas mais admiram no teu restaurante? Rapidez? Preço? Atenção ao cliente?

Regra geral, tens todas as informações de que precisas a partir da audiência que já tens.

Depois de reunir estas informações, tenta pensar no texto e na imagem de forma a:

  • Chamar a atenção
  • Despertar interesse
  • Gerar desejo
  • Levar a uma ação

Para quem está a começar em copywriting, aconselhamos a leitura do nosso artigo que fala sobre a fórmula AIDA.

A fórmula AIDA é das melhores para começar a escrever textos que geram mais vendas.

Anúncios online

Os anúncios online (tal como os da TV) devem surgir em momentos estratégicos.

O nosso conselho é que existam sempre anúncios Google e Facebook/Instagram ativos nos horários em que o restaurante está aberto.

No caso de o orçamento mensal não ser alto, então o ideal é priorizar Facebook e Instagram, que são as redes sociais com mais utilizadores (e, eventualmente, o Tik-Tok),

No caso da publicidade nas redes sociais (e voltando aos momentos estratégicos), o ideal é criar copywriting de desejo.

Em qual destes cenários acreditas que podes criar mais desejo?

Cenário 1: um anúncio online de uma pizza a ser cortada e um fio de queijo que parece interminável a aparecer em frente a potenciais clientes às 09h30 da manhã

Cenário 2: um anúncio online de uma pizza a ser cortada e um fio de queijo que parece interminável a aparecer em frente a potenciais clientes às 12h30.

Muito provavelmente, optaste pelo cenário 2.

Porque é bem mais provável que exista desejo de comer uma pizza às 12h30, que é hora de almoço, que às 09h30, quando a maioria das pessoas ainda acabou de tomar o pequeno-almoço.

O mesmo acontece com o resto do dia.

O copywriting para restaurantes em anúncios online tem de ter como base o dia e hora em que são publicados.

Faz todo o sentido publicar anúncios durante a manhã ou a tarde – mas talvez mais dedicados a despertar algum interesse em comer pizza.

Já em horas de maior fome (almoço, jantar, ceia) faz todo o sentido apostar em food porn.

Panfletos

Como ainda é uma das grandes apostas de vários restaurantes, optamos por também incluir aqui os panfletos.

E aqui é onde bom copywriting para restaurantes ainda é mais relevante, porque a maioria dos panfletos acaba no lixo.

Como se pode tornar um panfleto em algo que não dê vontade de deitar ao lixo?

A melhor forma é torná-lo irresistível.

Grande parte dos panfletos vai para o lixo porque se foca inteiramente no negócio e esquece-se que o herói é o cliente.

Convido-te a ler este artigo sobre a Jornada do Herói para entenderes melhor aquilo de que falo.

Mas, de uma forma bem resumida, os negócios falham na comunicação por se focarem em si mesmos e não nos clientes.

Os panfletos fazem isto muitas vezes com títulos como estes:

  • Abriu agora, venha visitar
  • O melhor hambúrguer da cidade
  • Menus a partir de 3€

Não é que o típico cliente não procure menus a partir de 3€ ou comer o melhor hambúrguer da cidade.

Mas o comportamento de alguém que pega num panfleto que diz isto é olhar, ler, e deitar fora.

Então como se poderia melhorar este copy?

Colocando no panfleto uma oferta única a que a pessoa tem acesso se levar o panfleto.

Algo como:

  • Traz este panfleto ao nosso restaurante e recebe 50% de desconto na primeira refeição
  • Quando visitares o nosso restaurante, traz o panfleto com o código QR em bom estado para receber uma sobremesa de oferta

Agora sim, o cliente tem motivos para não deitar fora!

E isto também é copy.

Menu do restaurante

Sim, o menu precisa de copywriting!

Tu podes descrever uma massa com molho de tomate chamando-lhe “Massa com molho de tomate”…

Ou podes torná-la irresistível com uma descrição como esta:

Massa al dente com molho caseiro com tomates da nossa horta que provocam uma explosão e sabor na boca.

A diferença entre os dois está na forma como o cliente visualiza a massa com molho e tomate.

Continua a ser a mesma massa… Mas agora tem aplicada uma estratégia de copywriting para restaurantes.

Website

Se o teu restaurante ainda não tem um website, contacta-nos para te passarmos um orçamento.

Websites de 1 página são extremamente simples de fazer, não são caros, e vão-te permitir criar o teu próprio espaço na internet, sem que tenhas só de depender de terceiros (como as redes sociais).

O website é um excelente espaço para escrever bom copywriting, seja para restaurantes ou outros negócios.

Copywriting para websites de restaurantes não é algo tão difícil de fazer.

Na maioria dos casos, tratando-se de restaurantes mais pequenos, toques de storytelling, escrita persuasiva e food porn trazem resultados muito interessantes.

O nosso conselho é que o copy do website siga uma estrutura lógica semelhante à de uma Landing Page.

Assim, mesmo só tendo uma única página, é possível a qualquer restaurante:

  • Ter um link para o menu digital e online
  • Permitir pedidos de reserva
  • Falar da história da criação do restaurante (e que sempre gostamos de saber)
  • Dar a conhecer também todos os pratos que são serviços de uma forma mais detalhada
  • Ter a sua própria “morada” na internet e profissionalizar o negócio

Um website é um investimento muito baixo.

Na WebHS, por exemplo, podes facilmente comprar um domínio e alojamento para o teu website por cerca de 60€/ano.

Conclusão

Copywriting para restaurantes não é algo complicado.

Na prática, estamos a lidar com emoções e com desejos que as pessoas querem satisfazer.

Pegando nessa narrativa, o copy para restaurantes, seja em que formato for, pode facilmente criar-se a partir daquilo que os teus clientes já te dizem: que é o hambúrguer mais delicioso, que aquilo que mais gostam é o molho, que o pão caseiro lhe dá outro gosto…

Na dúvida, pergunta aos teus clientes habituais quais as principais razões de voltarem.

Depois, faz alguma pesquisa no Google e nas redes sociais.

Podes criar um Swipe File para te ajudar e assim tens sempre uma super fonte de inspiração.

Hoje, mais que nunca, faz todo o sentido investir em bom copywriting.

A pandemia Covid-19, que fechou tantos negócios entre 2020 e 2021 também levou a que muitos outros crescessem com a influência e o poder da internet.

Cabe-te a ti tirar o máximo partido disso e começar a investir no copywriting para restaurantes.


Queres receber as nossas newsletters semanais? Preenche o formulário abaixo. Podes cancelar a qualquer momento.